COMUNIDADES DE VIDA E ORAÇÃO - Vigiai, porque não sabeis a hora em que virá o Senhor (Mateus 24,42)
Documento sem título
 




 
 
09/12/2012
DIGA NÃO À COMUNHÃO NA MÃO
Nunca comungue em estado de pecado grave e não mastigue a Santa Hóstia.
 

Promessas de Nosso Senhor Jesus a quem não receber a Sagrada Comunhão na mão.

Introdução

Nosso Senhor manifestou-Se a uma alma privilegiada, concentrada em oração profunda, fazendo as seguintes promessas àqueles que não receberam o Seu Corpo Sagrado na mão.

Por enquanto, decidiu-se não revelar a identidade desta pessoa, uma vez que estes fatos são muito recentes.


Advertência

Torna-se necessário deixar bem claro que estas promessas não são válidas para aqueles que comungarem em pecado mortal.

Também comungará de forma delituosa quem, de forma consciente, mastigar a Hóstia ou triturar com os dentes.


Promessas de Nosso Senhor Jesus Cristo:

Àqueles que se abstiverem de receber com as suas mãos o Meu próprio Corpo, Sangue, Alma e Divindade, Eu prometo enchê-los das maiores bênçãos nas suas mãos, alma e em todo o seu ser.

Prometo-lhes muitas mais graças na sua passagem pela Terra, com maiores garantias de salvação e aumento de Glória essencial e acidental, por toda a sua vida eterna, Comigo, nas moradas celestiais.

Sentir-Me-ão na Comunhão, de tal forma e com tanta plenitude, que ficarão sem a vontade natural de Me tocarem.

Aqueles que assim fizerem, com persistência, receberão grandes graças Minhas, assim como grandes benefícios para a sua casa.

Também prometo, àqueles que fizerem corretamente aquilo que mais desejo, poderes especiais nas suas mãos contra os inimigos da alma e, a muitos, darei carismas de curar.

Prometo que, se assim procederem de forma perseverante, chegarão, de todas as formas, com mais intensidade, na busca apenas de maior Honra e Glória Minhas, e Eu os exaltarei de forma especial por toda a eternidade.

Concederei igualmente, a todos que, por amor, cumprirem os Meus desígnios, abstendo-se de Me receber nas mãos, por maior adoração, humildade e santo respeito, o dom do discernimento do espírito com maior intensidade.

Os seus nomes estarão escritos de forma especial no Meu Coração se, para Me darem maior gosto, comungarem corretamente na língua e não na mão.

Também prometo que os aumentarei em todas as virtudes, como recompensa a essa maior humildade que admite nunca ter as suas próprias mãos suficientemente puras para Me tocarem.

Prometo ainda que facilmente propagarão a Minha doutrina e que vencerão com maior facilidade todas as tentações.

Não conseguirão afastar de Mim as almas daqueles que Me receberem na língua e não nas mãos, se o fizerem com a reverência devida e viverem assim todos os dias da sua vida.

Prometo, igualmente, que aqueles que, por delicadeza para com a Minha vontade, Me consolem recebendo-Me devidamente sempre na língua e não nas mãos, não terão as portas fechadas para o Meu Amor.

Se assim perseverarem, para mais Me agradarem, comungando na língua, prometo que chegarão a trabalhar só pelo Meu Coração, com o Meu Coração, no Meu Coração e para o Meu Coração.

Prometo ainda, àqueles que deste modo Me honrarem, que serão ouvidos de forma muito especial e com grande complacência.

Se, neste pedido – comungar sempre na língua e nunca nas mãos – tão importante para Mim, Me fizerem a vontade, por Meu Amor, procurarão seguir sempre os Meus Divinos pedidos e Eu os alegrarei de forma especial, como prova da Minha complacência.

Estes que assim atuarem farão sempre um grande bem às almas; pelo contrário, aqueles que insistirem no desejo de Me tomarem nas suas mãos, encontrarão a Minha Vontade endurecida em muitas coisas, e sentirão dificuldade em conhecer o Meu gosto, a Minha pregação, o Meu Magistério.

Mas, aqueles que não tocarem com as suas mãos na Sagrada Forma, preparando-se, de forma especial, em todo o seu ser, para na hora de Me tomar em comunhão, Me pedirem que seja apenas Eu, e eles nada, prometo a graça de, em pouco tempo, alcançarem uma altíssima perfeição cristã, que procurarão o Meu Rosto com maior amor, de se esquecerem mais facilmente de si mesmos, de terem sempre o Meu Coração consolado por este gesto, e de receberem maiores Luzes celestiais e terão uma maior alegria eterna vinda do Meu Coração.


Promessas a quem difundir estas mensagens:

Àqueles que divulgarem estas promessas, prometo o dom do conhecimento dos corações. Alcançarão uma Glória excelsa no Céu.

Terão uma vida espiritual, ainda que nem sempre material, tão intensa em tão poucos anos, como se tivessem vivido muitíssimos anos de santidade.

Encherei de grandes bênçãos os seus familiares.

Prometo ainda que quanto mais fizerem conhecer estas promessas, mais Me derramarei sobre eles.

Farei com Me que sintam de modo intenso, numa plenitude crescente,

Não permitirei que empreendam desígnios que não sejam do Meu agrado.

Porei no seu caminho uma Luz tão forte de modo a que, com a Minha superabundante assistência, evitem o mal e façam não só o bom como principalmente aquilo que mais Me agrada.

Dar-lhes-ei ainda mais graças, incontáveis, se as divulgarem com fervor. Será considerada uma grande omissão não dar a conhecer as Minhas promessas.


Observação: Embora a pessoa que recebeu a mensagem não queira se identificar, ela está sendo postada com base no exemplo do nosso Santo Padre Bento XVI. Todos os que comungarem com ele deverão estar de joelhos e receber a Santíssima Eucaristia na língua.

FONTE: www.salvaialmas.com.br


 
 
 

Artigo Visto: 1158 - Impresso: 48 - Enviado: 17
Ajude a manter a nossa obra de evangelização e o nosso site no ar, faça uma doação.

ATENÇÃO! Todos os artigos disponíveis neste sítio são de livre cópia e difusão deste que sempre sejam citados a fonte www.cidadaosdoinfinito.com.br

 

 
Visitas Únicas Hoje: 13 - Total Visitas Únicas: 293636 - Usuários online: 17